Arquivo da tag: Exchanges

Bitcoin cai em resposta à possível regulação da Binance

Uma possível repressão regulatória para uma das maiores exchanges de criptomoedas do mundo está deixando os investidores de Bitcoin em polvorosa.

A criptomoeda afundou 4,4 por cento para US$ 8.506 na quinta-feira (no Japão) após informações de que a agência de serviços financeiros do Japão planejava notificar a Binance. A plataforma comercial fundada por Zhao Changpeng, pararia de operar no país sem licença. A exchange possui vários funcionários no Japão e está expandindo-se sem permissão oficial. A informação foi coletada por um informante familiarizado sobre os planos da FSA.

A notícia relatada primeiramente pelo Nikkei aponta sinais de que os governos de todo o mundo estão tendendo a fechar o cerco às criptomoedas. A justificativa destes governos é a de que as criptomoedas têm facilitado a ocorrência de fraudes, lavagem de dinheiro e evasão fiscal. O Japão, considerado um dos países mais abertos no tema, recentemente lançou um sistema de licenciamento para supervisionar mais de perto os assuntos relacionados à criptomoedas.

Segundo a Binance, a empresa estaria trabalhando na aquisição de uma licença de operação no Japão. Ainda segundo à empresa, seu fundador afirmou que a exchange está “engajada em um diálogo construtivo” com a FSA e que ainda “não recebeu nenhum mandado” oficial.

 

 

https://platform.twitter.com/widgets.js

A FSA têm apertado o cerco as criptoexchanges desde que um roubo de cerca de US$ 500 milhões na casa de câmbio japonesa Coincheck Inc. ocorreu em janeiro deste ano. No último mês, os reguladores emitiram uma sanção administrativa contra a Blockchain Laboratory LTD. sediada em Macau. A empresa foi acusada de oferecer seminários e da prestação de serviços de consultoria no Japão sem licença específica.

A Binance tem sido constantemente classificada como a maior criptoexchange do planeta desde o fim do ano de 2017. A informação foi divulgada pelo Coinmarketcap.com. Ela ocupou o topo do ranking por volume em 24 horas pela negociação de cerca de US$ 1.8 bilhão conforme o site.

 

Logo após o tweet do fundador da Binance exibido acima, o mercado das criptomoedas já tratou-se de manifestar:

 

 

https://platform.twitter.com/widgets.js

Governo Russo votará pela regularização das criptomoedas

Com a regulamentação das criptomoedas se disseminando pela Ásia, seus consequentes efeitos no mercado podem ser observados quase que instantaneamente. Na última semana, os comentários equivocados de que a Coréia do Sul estaria proibindo as criptomoedas balançou o mercado. Este não foi o caso da Rússia que se prepara para votar na legalização para as exchanges de criptomoedas.

De acordo com a Newsweek, o Ministério das Finanças russo elaborou uma nova lei fim de legalizar a negociação de criptomoedas em plataformas de trading organizadas. O próximo passo é o envio da proposta de lei para que o legislativo russo a vote em meados de fereveiro.

Exchanges Oficiais

O vice-ministro das finanças russo, Alexei Moiseev afirmou que o Ministério das Finanças apoia a abertura e legalização do comércio de criptomoedas através de exchanges oficiais. O Ministério não planeja fechar o cerco (limitar e regular), mas pretende estabelecer alguns limites. Ele adicionou:

Isto é sobre o fato de que a compra e venda de criptomoedas estará de certa forma padronizada. A ideia geral é que será necessário comprar e vender através de exchanges oficiais, como será declarado, será legalizado.

Na última semana, o Banco Central da Rússia confirmou que havia discutido as possibilidades de legalizar o comércio de criptomoedas juntamente com o Ministério das Finanças. Isto seria realizado por meio de casas de câmbio oficiais (exchanges). Enquanto isso, o Bank of Russia se opõe o movimento como a maioria dos bancos o fazem. De certa forma, no caso da Rússia os legisladores parecem estar um pouco mais abertos a este tema.

Bandeira Russa

Avanços no setor de criptomoedas

No ano passado, o chefe do Ministério das Comunicações da Rússia afirmou que o país “jamais” legalizaria o Bitcoin em sua economia. Alguns representantes do Banco Central chegaram a afirmar que as operações com moedas digitais tratavam-se um esquema de pirâmide e que seria inviável para um banco tomar o controle disso. Porém, a reação do governo agora é outra.

O presidente Vladmir Putin vê a necessidade de regulamentação e, na última  semana afirmou:

Se nós regulamentarmos, mas não de forma suficientemente eficiente, o governo será o responsável pelas situações difíceis pelas quais as pessoas podem entrar. No momento, isto é de responsabilidade das próprias pessoas e o governo apenas pode dizer: ‘você pode fazer isso, mas você não pode fazer isso’, e se isto ainda não está claro, alguns problemas precisam ser resolvidos.

A Coréia do Sul segue em posição semelhante ao governo russo na aparente tentativa de proteger os seus cidadãos com conhecimentos e experiência  financeiros limitados de tomar decisões financeiras de risco que possam terminar em prejuízo.


Fontes: Bitcoinist, Newsweek

Imagens: Pixabay e Wikipédia

Ethereum volta a ser o segundo, Ripple cai

A saga pela supremacia no mundo das criptomoedas muda diariamente. É realmente bastante difícil manter-se em destaque em um mercado de alto ritmo. O Bitcoin ainda detém sua supremacia já que a maioria dos altcoins (Ethereum, Ripple, etc) só podem ser trocados com ele, mas as quatro criptomoedas seguintes estão duelando para obterem o segundo terceiro e quarto lugadas em captação de mercado.

Ripple cai e Ethereum volta ao segundo lugar

Com três das quatro principais exchanges fechando suas portas para novos cadastros há dias atrás, foi um pouco mais difícil medir as nuances do mercado. As transações também foram suspensas temporariamente em algumas delas, inclusive a exchange mais movimentada do mundo, a Binance, que pôs freios nas transações Ethereum por um certo tempo.

Mudança de posição

O Ethereum tem tido ganhos sólidos desde a semana passada, passando de $ 870 para uma alta de $ 1.260 nos últimos sete dias. Embora os mercados tenham corrigido algo, o ETH ainda está negociando em alta em torno de $ 1.180, o que representa um aumento de pouco mais de 35% na semana. A tendência de queda constante aumentou a capacidade de mercado do Ethereum para $ 114 bilhões no momento da redação deste artigo de acordo com a Coinmarketcap. Isto foi o suficiente para empurrá-lo e volta para o segundo lugar nos gráficos de mercado, eclipsando o Ripple, que caiu para o terceiro lugar.

Segundo os relatórios, uma queda nos preços do Bitcoin aumentou o preço de todas as altcoins, especialmente as melhores. O Ethereum também pode ser usado na troca por outras altcoins agora, o que significa que os investidores estão se movendo para o ETH, visto que apresenta uma rede mais rápida e as transações são mais baratas que as realizadas em Bitcoin.

Ripple em queda

Após um empolgante aumento nos gráficos nas últimas semanas, o token XRP da Ripple teve um retorno de seu marco histórico de $ 3,80 em 4 de janeiro para o preço atual de $ 2,47. O Ripple foi impulsionado pelo mercado asiático após alguns anúncios de parcerias com grandes bancos da região. Ainda foi impulsionado por rumores de que a Coinbase o listaria este ano, mas estes já foram refutados, o que contribuiu para a queda recente.

O Ripple caiu 35% nos últimos cinco dias e perdeu quase $ 50 bilhões em captação de mercado. O XRP pode ter tido um desempenho fora da expectativa em relação ao que pensavam os aficionados pela cripto devido aos seus laços com a empresa e ao fato de que alguns influencers possuem quantidades significativas de ativos digitais incluindo o CEO, que teria um estoque de 5 bilhões de XRP.

Além disso, houve uma confusão em massa nos mercados nas últimas 24 horas, pois o site de análise Coinmarketcap, que é usado para a maioria das referências de preços, decidiu excluir exchanges na Coréia do Sul, onde a XRP é amplamente negociada.

Fonte: Bitcoinist.com