Morngan Stanley está a aberta a contratos futuros em Bitcoin

O mundo das criptomoedas ainda é um mercado ativo e vigoroso, mesmo com as recentes quedas no mercado como um todo. Mais e mais empresas de finanças e organizações institucionalizadas estão de olho e procuram oferecer uma gama de produtos e soluções mais ampla para seus clientes. Isto inclui o oferecimento de futuros em Bitcoin. A mais recente instituição a se juntar ao mercado é a Morgan Stanley.

Na medida em que os primeiros contratos de futuros em Bitcoin expiraram e foram liquidados nesta semana, o CBoE promoveu um certo fôlego para aqueles que ainda sofrem da baixa da moeda. A Morgan Stanley juntou-se ao rival Goldman Sachs e também dará início ao fornecimento de contratos futuros em Bitcoin para o seus clientes conforme afirma o Business Insider.

O diretor financeiro do banco, Jonathan Pruzan, disse que a empresa está analisando os negócios de futuros da Bitcoin feitos no CBoE e no CME Group.
Em uma recente entrevista à Bloomberg ele afirmou:

Se alguém quiser fazer uma negociação nos futuros e liquidar em dinheiro, faremos isso. Eu não diria que tem sido muita atividade, mas é para clientes institucionais principais que querem participar de uma transação de derivativos.

Devido a alta volatilidade das criptomoedas, alguns dos principais bancos de Wall Street estão impedindo ses contratos de negociação em e adotando uma abordagem de espera e observação. De acordo com a Bloomberg, a única oferta de outro banco pronta para sair é a do Goldman Sachs que exigiu que os clientes alocassem fundos equivalentes ao valor total das transações a serem realizadas no mercado de futuros de Bitcoin como condição compensatória para a transação. Tal medida pode ter impedido muito destes clientes de entrar em contratos altamente avançados.

É provável que o Morgan Stanley também exigirá algum nível de margem. No entanto, Pruzan se recusou a dizer o quanto isso seria.

Outras grandes corretoras, incluindo a TD Ameritrade, E* Trade e Interactive Brokers também estão permitindo que seus clientes troquem futuros em Bitcoin por meio de suas plataformas. No entanto, na sequência de queda do mercado em 40% nas duas últimas semanas, muitos deles podem estar se afastando até que os “gráficos se equilibrem”. O segundo contrato bimensal do CBoE, XBT G8 está programado para expirar em 14 de fevereiro e muitos estão se perguntando como o mercado se comportará após isso.


Imagens: Pixabay